JAPURÁ – AM – Paróquia Nossa Senhora Aparecida

Prelazia de Tefé – AM – Norte I CNBB

“Mostrai-nos, Senhor, vossa face e seremos salvos!”

Deixe um comentário

   LITURGIA  –  4º DOMINGO DO ADVENTO.

23.12.2012.

 

“Mostrai-nos, Senhor, vossa face e seremos salvos!”

 

1.Introdução.

   Os festejos natalinos – Papai Noel –  estejam presentes em todos os noticiários,mas nós precisamos do rosto misericordioso de Deus para nos consolar. Nossa alegria é fruto do Espírito Santo, nasce da certeza que Deus vem a nós com rosto de misericórdia e de ternura! Ele consola os pobres que nada podem esperar do “natal comercial”! A euforia que o mundo comercial oferece é enganosa, deixa na boca o gosto amargo da frustração!

A Liturgia do Advento revela o “Rosto misericordioso de Deus!”: Ele nasce em Belém, pequena vila nas terras de Judá e se revela aos pastores, gente excluída da vida social.

O Advento, em primeiro lugar, é tempo penitencial. Os cristãos não participavam das festanças pagãs; preparavam-se com oração e jejum para celebrar o Natal do Filho de Deus. Jesus não veio encher nossa mesa de comida, mas veio revelar-nos a alegria da salvação. “Deus se faz homem para que nós, pobres pecadores, pudéssemos ser filhos de Deus!”

2.Palavra de Deus.

   Mq 5,2-5 – O profeta Miquéias,condena os poderosos e corruptos do Reino de Judá, mas consola os pobres, os humilhados e os explorados. Reaviva  neles a esperança do Messias, nascido de uma mulher e numa pequena vila nas terras de Judá, mas é descendente do rei Davi e será Pastor forte e cuidadoso do Povo pobre de Israel. Com Ele haverá tempo de paz e de tranquilidade!

Hb 10,5-10 – A Comunidade de judeus convertidos à fé cristã passava por uma dupla humilhação: anunciar um Messias morto na cruz e ser perseguidos por causa dEle. Mas a Palavra de Deus prova que Ele é o único e verdadeiro Salvador: em seu corpo humilhado e em sua   fidelidade incondicional a Deus salvou a todos os que nEle acreditam.

Lc 1,39-48ª – Deus faz maravilhas com seus pobres: Izabel, velha e estéril, está esperando um filho, e Maria, virgem que não conheceu homem algum, traz em seu seio o Messias, Filho de Deus. Ambas se alegram pelas maravilhas que Deus fez em suas vidas e em seus corpos.

3.Reflexão.

  • A Virgem Maria concebe um filho pelo poder do Espírito Santo,e Isabel, velha e estéril, mas cheia do Espírito Santo,reconhece a grandeza de Maria e a presença do Messias em seu seio. A alegria das duas mulheres é fruto da ação do Espírito Santo. Elas não precisam de festanças para se alegrar. Elas são fiéis à Palavra divina e exultam de alegria porque Deus fez grandes maravilhas em suas vidas. A alegria do cristão vem de poder e da benevolência de Deus; Não vem do prazer e nem da carne humana!
  • Neste final de Advento meditemos a Palavra que nos revela a ternura e a misericórdia divina em nosso favor. O Natal é a festa da ternura de Deus.
  • Izabel antecipa o elogio que Jesus faria, mais tarde, para a sua Mãe. Izabel não exalta, apenas, a maternidade física de Maria, mas a sua fidelidade à Palavra que lhe foi anunciada: “É feliz porque acreditou!” Maria foi feliz porque ouviu e acreditou nas Palavras de seu Filho Jesus. Ela é Mãe de Jesus por sua fidelidade à Palavra!
  • Jesus, o sumo, o eminente e supremo sacerdote… redimiu-nos por seu Sangue derramado na cruz, mas derramado por fidelidade ao Pai: “Eis-me aqui, eu vim para fazer a tua vontade… Eis que eu vim para fazer a tua vontade!” Nós fomos resgatados de nossos pecados, pela fidelidade de Jesus! O Natal é a expressão máxima da fidelidade de Deus e da misericórdia de nosso Deus.

“Eu sou a serva do Senhor,

Faça-se em mim segundo a tua vontade!”

Frei Carlos Zagonel.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s